Will e Will - John Green e David Levithan

20:26



Em uma noite fria, numa improvável esquina de Chicago, Will Grayson encontra... Will Grayson. Os dois adolescentes dividem o mesmo nome. E, aparentemente, apenas isso os une. Mas mesmo circulando em ambientes completamente diferentes, os dois estão prestes a embarcar em um aventura de épicas proporções. O mais fabuloso musical a jamais ser apresentado nos palcos politicamente corretos do ensino médio.





Você gosta de alguém que não pode retribuir seu amor por que é possível sobreviver ao amor não correspondido de uma maneira que é impossível no caso do amor correspondido. 

[BIP]

Confesso que quando comprei Will e Will eu, particularmente não sabia do que se tratava a história e comprei mesmo por causa do Green (quem diabos era David Levithan?) e nossa. Volta tudo! NOSSA! Tô até agora assimilando com a ousadia dos autores (agora tenho um autor novo e favorito).

O livro narra a história de dois Will Grayson (rá-rá-rá), de um lado o Will do Green, do outro o Will do Levithan (que escreve tudo minúsculo. tipo assim. sabe? ). Eles se encontram numa noite qualquer, totalmente por acaso, após as surpresas da vida – destino? 

Apesar de carregarem o mesmo nome, Will e Will são totalmente diferentes, de um lado o Will (Green) que vive sobre as sombras de um amigo gay e hilário Tiny Cooper, o cara grandão, espalhafatoso e que não liga muito para o que os outros dizem a seu respeito, sem falar que o cara vive se apaixonado o tempo inteiro. E ai tem a Jene, uma garota que Will não sabe exatamente se ela gosta de homem – não que ela seja masculinizada. E pouco a pouco Will e Jane vão se conhecendo, graças a Tiny que, ao meu ver, sempre sabe de tudo, e apesar da historia não ser exatamente sobre ele, bem, no fim ele acaba sendo o ponto chave de todo o enredo, acredite em mim!

e tem o outro will (Leviathan) que tem como amigo um cara chamado isaac. na verdade will conheceu isaac na internet, e desde então eles vivem trocando mensagens o tempo inteiro, é como se, apesar deles nunca terem se visto, isaac seja única pessoa que parece entender o will e os seus problemas. sim, esse will é gay, e ai aos poucos vamos descobrindo seus medos e anseios e que na verdade nem tudo que reluz é ouro. ops, tem a maura, uma garota que sempre quer chamar a atenção de will, mas ele não da bola, por que na verdade o will não gosta de xoxota. (sim, essas rimas malucas vão grudar na sua mente).

Concluindo, quando Will e Will se encontram eles percebem que, as vezes para as coisas acontecerem é preciso um empurrão do destino. 

Enfim, é um romance leve, apesar do assunto em si. Os autores, claro ousaram demais trazendo esta ideia de romance; é um livro que mostra que toda a forma de amor vale a pena. O livro é tão perfeito que anotei 16 quotes. Eu queria poder oferecer esse livro a cada pessoa do mundo, mas como sei que isso é impossível, vamos ficar por aqui mesmo. Com Will e Will, Green e Leviathan nos ajuda a quebrar o tabu de que, pessoas do mesmo sexo não podem se amar de verdade. 

Por fim, leia Will e Will o mais rápido possível! Não posso falar muito se não vou falar demais!  Contradizendo tudo: não que ele seja o melhor livro do mundo, tampouco emocionante, é só pelo fato de migrar para outras histórias, outros romances. E bem, me pergunto até hoje por que o livro não se chama, simplesmente Tiny Cooper, por quê?, vocês vão entender. 

ps: o will do leviathan foi o meu favorito por ser tão emburrado e filosofo. 

a verdade, porem? 
todo mundo tem uma. 
essa é nossa maldição e nossa bênção. é nossa tentativa e nosso erro e nossa coisa certa.

[BIP]

You Might Also Like

0 comentários

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images