O Doador - Lois Lowry

15:24


  • Editora: Arqueiro
  • Autor: LOIS LOWRY
  • ISBN: 978-85-99296-44-8
  • Número de páginas: 192
  • Formato: Médio
Sinopse:  Num futuro não muito definido, uma sociedade cria mecanismos de controle em busca do chamado "equilíbrio". Todos os homens e mulheres são preparados para desempenhar uma função -- as designações. Um alto-falante condiciona as pessoas a seguirem as regras. Até o dia em que Jonas, um menino de 12 anos, é escolhido para ser o novo recebedor de memória.


Mesmo com a prática geral de muitos anos de precisão da linguagem, que palavras usar para transmitir a outra pessoa a experiência do calor da luz do sol?
página 93 capítulo 12 

No início do livro eu tive uma expectativa muito grande com relação a fantasia. Mas o livro não trata só disso, faz também muitas críticas ao nosso comportamento atualmente. Uma coisa que me chamou muita atenção foi que as casas tinham uma espécie de telefone ligado todo tempo, assim qualquer "problema" seria ouvido. As ruas sempre vigiadas por policiais e tudo era planejado perfeitamente. As famílias não tinham sequer a autonomia de cozinhar seu próprio alimento, não existia dinheiro e nem mesmo relações íntimas. As famílias funcionavam como células, passavam um tempo juntos, trabalhavam, cuidavam das crianças. Apenas Isso. Não havia amor, a palavra sequer significava algo para eles.
Castigos físicos eram empregados em crianças e idosos para minimizar os erros de linguagem e pequenos delitos. Delitos mais graves resultavam em dispensa, que era a pior punição.
Nenhuma diferença era tolerada, mesmo bebes quando nasciam se não eram "perfeitos", segundo a sociedade deles, eram dispensados. A única esperança era Alhures, o que eles acreditavam ser um mundo além dali.


Jonas é um menino de 12 anos normal, não há nada de especial nele até que ele começa a ver algo diferente dos outros. Tão diferente que ele sequer consegue explicar, em um momento as coisas estão lá, normais e de repente Jonas começa a ver a mudança. Essa mudança que só ele vê é chamada de “ver além”. Por esse motivo ele é escolhido como novo recebedor, uma honra na sua comunidade.
O recebedor é o único que tem todas as lembranças sobre a história do mundo, toda sua sociedade só conhece o presente e um passado recente, acontecido após a retirada das lembranças e autonomia dos cidadãos.
A partir daí Jonas tem suas crenças e realidade despedaçada assim como sua infância roubada. Ele aprende o que é dispensa, e ganha lembranças de um passado distante e de todas as coisas que lhe foram tiradas sem pedir permissão por uma antiga comunidade. Sem direito ao amor, individualidade e liberdade, Jonas resolve mudar o conceito de sua comunidade ao expor tudo que estava oculto até então.
Nessa tentativa ele foge para Alhures em busca de ter aquilo que lhe foi tirado, mas essa joranda será mais sacrificante do que ele poderia esperar, mas certamente a liberdade que Jonas encontrará no caminho será a própria felicidade.


Esse é livro é uma boa pedida pra quem está tentando fugir do romance por um tempo. Quando o terminei pensei nele o dia todo, por conta do final anfibológico. Gosto de livros com o final que podemos "escolher". E outra coisa legal, ele custa bem pouquinho!


Adicione no Skoob 
Adquira o livro na: Livraria Cultura / Saraiva / Livraria da Travessa

You Might Also Like

8 comentários

  1. Nunca tinha ouvido falar nesse livro o.O
    Parece legal >.<

    ResponderExcluir
  2. Esse livrinho é tudo de bom, eu chorei ao terminar, achei triste =/
    Pq pra mim eu só consegui escolher o fim triste, não consegui me agarrar a esperança...
    Também pensei nele o dia todo, rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHAHA Será que alguém escolheu o fim bom???

      Excluir
  3. Ah, eu não gostei da historia e do jeito que eu tenho de pensar que tudo é uma tragedia, é obvio que vou ficar com um fim bem horrível..., você me conhece Natany, tenho tendencia a essas coisas tragicas.

    Enfim, quem sabe um dia eu nao o leia?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, você está sempre pronto para um drama hahaha
      Mas a história é muito boa!

      Excluir
  4. Eu nunca li esse livro. Parece ser legal. Tomara que eu não leia só ate a metade,pois nunca tenho paciencia pra ler um livro todo! '-'

    ResponderExcluir
  5. esse livro me parece bem interessante , gostei muito!

    ResponderExcluir
  6. Elaine Nascimento17 de julho de 2012 15:01

    Confesso que sou fã de romance, daqueles com direito a choro no final. Mas esse livro é bem interessante, história diferente que nos faz pensar em situações antes inimagináveis.

    ResponderExcluir

Popular Posts

Like us on Facebook

Flickr Images